07/10/19 | 13:55
Cmei Elza Damasceno da Silva encerra projeto ‘No mundo das histórias infantis’

Com o objetivo de incentivar a leitura de forma lúdica, prazerosa e criativa, o Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Elza Damasceno da Silva, bairro Santo Antônio, zona Oeste, encerrou no início de outubro, o projeto ‘No mundo das histórias infantis’. O projeto, que iniciou em março, envolveu os 220 alunos do 1º e 2º período e contou com a presença dos pais e responsáveis.

A programação teve dramatização, música e dança. As atividades realizadas no dia 1º de outubro envolveram as crianças do 1º período. Já no dia 2 de outubro, foram os alunos do 2º período, respectivamente, dos turnos matutino e vespertino. As educadoras trabalharam com as crianças as histórias da Galinha Ruiva, os Três Porquinhos, Chapeuzinho Vermelho, Branca de Neve, Menina Bonita do Laço de Fita e a Arca de Noé.

O projeto foi dividido em quatro etapas. Na primeira, as professoras escolheram as historinhas e as desenvolveram em sala de aula, por meio de aulas temáticas. Na segunda, houve a identificação e características dos personagens e a moral da história.

Na terceira etapa, foram realizadas as leituras, escritas e reescritas das histórias para todas as turmas da escola. Na última fase, as crianças realizaram a criação, confecções de painéis, livros e etc, com a supervisão das professoras.

De acordo com a gestora da escola, Nadir Socorro Rodrigues, o projeto tem uma relevância muito grande no processo de ensino aprendizagem, pois as professoras se dedicaram muito para conseguir o resultado esperado com as crianças.

“Este projeto é de suma importância, pois nesta fase a oralidade é fundamental, além de enriquecer a comunicação e a expressão, ainda favorece a interação social dos nossos alunos em sala de aula”, comentou.

A professora do 1º período, Rita Almeida, disse que a finalização do projeto com as crianças mostra o resultado das atividades realizadas desde março em sala de aula. Para a educadora é importante a temática para o desenvolvimento dos alunos na faixa etária.

“A dramatização foi muito linda, os pais participaram, ajudaram na confecção das fantasias e no ensaio das crianças. É muito grande trabalhar esses contos infantis, porque eles aprendem com lúdico e com muita mais facilidade. Isso sempre acrescenta algo na vida deles com as histórias infantis”, disse.

Texto: Paulo Rogério
Fotos: Divulgação/ Escola

Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054