Archive for the ‘noticias’ Category

Secretária visita CMEI Eliakin Rufino no bairro da União

quarta-feira, maio 20th, 2015

Professores, alunos e funcionários do Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Eliakin Rufino, localizado no bairro da União, zona Centro-Sul de Manaus, receberam a visita da secretária Municipal de Educação, Kátia Schweickardt, na tarde desta terça feira, 20. Na ocasião, a titular da pasta conheceu a realidade, a infraestrutura e o trabalho pedagógico realizado pelos profissionais que atuam naquela unidade de ensino.

Na ocasião, foi apresentando a secretária o painel do CMEI mostrando a conquista de prêmios alcançados com o trabalho pedagógico desenvolvido pela escola. Uma comitiva da Secretaria Municipal de Educação (Semed), formada por assessores pedagógicos, a subsecretária de Gestão Educacional, Euzeni Trajanoe, o gerente de Controle de Qualidade, Leís da Silva Batista, também acompanhou a visitação.

No decorrer da visita, Kátia conheceu os ambientes do CMEI, onde teve a oportunidade de conversar, pessoalmente, com alunos e professores. Ela verificou in loco as dificuldades da unidade e também o esforço feito pelos professores em fazer um trabalho diferenciado com as crianças.

“Quanto ao pedagógico, à escola está bem organizada e assistida pelo corpo docente. Percebi alguns problemas na infraestrutura que iremos tomar as devidas providências, no mínimo de tempo possível. E o que mais deixou feliz foi constatar que os alunos estão recebendo um ótimo ensino e que os professores são comprometidos e empenhados”, avaliou a secretária.

Para gestora do CMEI, Rachel Nascimento, a visita da comitiva da Semed demostra que a secretária está disposta a resolver os problemas que tenham na Secretaria. “Esta visita é uma oportunidade de apresentarmos a secretária nossas conquistas com os prêmios que ganhamos e as nossas demandas e dificuldades. Para nós, é um prazer recebê-la e ficamos felizes pela sua atitude em demostrar que está disposta a encarar e resolver os problemas de frente, dando uma resposta rápida aos entraves que existem na rede municipal de ensino”, declarou.

CMEI

O CMEI Eliakin Rufino funciona nos turnos vespertinos e matutino, atendendo 169 crianças de 4 e 5 anos, do 1º ao 2º período da Educação Infantil. A unidade possui cinco salas de aula, um espaço de lazer e áreas para atividades lúdicas e refeitório, disponibilizando ao todo nove professores, dois pedagogos e dois funcionários administrativos.

 

Texto: Emerson Felipe

Foto: Rodemarques Abreu

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

Subsecretária de Gestão Educacional reúne com chefes de setores

terça-feira, maio 19th, 2015

Há pouco mais de três semanas à frente da subsecretaria de Gestão Educacional da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Elzeni Trajano, se reuniu, na manhã desta terça-feira,18, com os chefes dos setores que compõe a linha de frente das ações pedagógicas da pasta.

Na ocasião, foi destacada a meta da Prefeitura de Manaus em colocar a capital entre as 10 melhores cidades do país no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2015 e, também, foi dado início as discussões para a elaboração do Plano de Gestão Educacional a ser seguido em 2015 e 2016.

De acordo com a subsecretária Elzenir, esta foi à primeira reunião com o Departamento de Gestão Educacional, tendo em vista que assumiu o posto há poucos dias. Segundo ela, é preciso alinhar as ações para atingirem a meta da Prefeitura. “Pontuei algumas questões para direcionar ao Plano de Gestão Educacional. Esse plano ainda vai ser elaborado com a participação de todos eles (chefes de setores). Ouvi um pouco as ações desenvolvidas por cada setor e foi bastante positivo”, comentou.

O gerente de Educação de Jovens e Adultos (GEJA), Mauro Brito, disse que ficou entusiasmado com a nova mentalidade trazida pela subsecretária, onde o foco é o pedagógico. “Ela já trouxe metas detalhadas para que todos (os setores) saibam o objetivo que queremos alcançar. Isso vai fazer com que os setores se unam em prol dos resultados finais, uma vez que cada um tem que fazer sua parte. Mas o resultado final é a somatória do resultado de todos”, avaliou.

“Eu acredito que essa sistematização vai, daqui para frente, aperfeiçoar cada vez mais nosso trabalho e ajudar um ao outro, porque o resultado individual não interessa para a Secretaria, mas o coletivo sim”, analisou Brito.

A chefe da Divisão de Educação Infantil (DEI), Izânia Souza, afirmou que o encontro foi importante para o entrosamento e interação da equipe. “Ela nos trouxe muita esperança de fortalecer cada vez mais  o pedagógico. Precisamos dessas ações e de encontros como esses encontros para que possamos fortalecer a equipe e avançarmos”, salientou.

 

Texto: Thiago Botelho

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

Profissionais da rede municipal de educação ganham destaque por artigos científicos sobre o autismo

segunda-feira, maio 18th, 2015

Três profissionais da rede municipal de educação tiveram seus artigos científicos publicados na revista científica Clinical Psychiatry, edição 16-18, de abril de 2015. As psicólogas Adenilda Teixeira e Maria Gleny e a pedagoga Antônia Egley atuam no Complexo Municipal de Educação Especial André Vidal de Araújo, localizado no conjunto Vila Amazonas, bairro Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul, e tiveram seus trabalhos sobre o autismo como destaque entre os 40 melhores produzidos no Brasil.

Os artigos tiveram como temas “Contribuições da orientação familiar para adolescentes autistas no contexto amazônico” e “Atendimento Multiprofissional para estudantes com transtornos do espectro do autismo em Manaus”.

As educadoras apresentaram as obras dentro de quatro pôsteres temáticos sobre o autismo, na Conferência Internacional de Autismo na Vida Adulta: ciência, sociedade e realidade, realizada em abril deste ano, no teatro da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio), em São Paulo.

A publicação dos artigos na revista especializada é fruto do trabalho do Programa de Educação Especialista Multidisciplinar (Pemulti),  implementado, em 2010, para o acompanhamento de alunos dos últimos dez anos com Transtorno do Espectro do Autismo (ASD), na rede municipal de ensino.

“A partir de nossos relatos, tivemos a chance de dialogar sobre nossas experiências, afazeres cotidiano e educativo. Isso é importante, porque podemos demonstrar que a cidade de Manaus tem a preocupação de trabalhar com os alunos autistas e também de buscar a inclusão escolar desses alunos”, explicou à psicóloga, Maria Gleny, que considerou fundamental ter participado da Conferência para ficar atualizada sobre as novas práticas, conhecer novas realidades e trazer tudo isso para incluir no trabalho que já vem desenvolvendo nas escolas da rede municipal de educação.

Para Maria Gleny, o resultado do trabalho realizado com os alunos autistas e demais pessoas da comunidade, é fruto do esforço conjunto da equipe multiprofissional do Complexo de Educação Especial. “Esse trabalho fala da nossa experiência como psicólogo, pedagogo, psicopedagogo e psicoterapeuta em fazer atividades que possam auxiliar o aluno, seus pais e até o cuidador para que desenvolvam da melhor forma possível as atividades do dia a dia e também para uma inclusão escolar”, defendeu.

 

Texto: Paulo Rogério

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

 

 

Em jogos, crianças terão lições sobre os povos indígenas e diversidade

segunda-feira, maio 18th, 2015

Alunos do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Herman Gmeiner terão uma verdadeira aula sobre a cultura dos povos indígenas e como trabalhar a diversidade. As lições serão repassadas em meio aos Jogos de Origem Indígena (Join), cuja quinta edição será nesta quarta-feira, 20, no estacionamento da unidade de ensino localizada no Ajuricaba, Planalto, zona Centro-Oeste.

Os jogos terão como tema “Celebrar sim, competir não” e serão promovidos pelo Distrito Zonal Oeste (DDZ) a partir das 8h.A expectativa da organização é que mais de 80 crianças participem das atividades, que serão divididas nas categorias de três, quatro e cinco anos, com duas modalidades esportivas: a corrida da tora, na qual a equipe com quatro crianças percorre 30 metros carregando uma tora (adaptada para um cano de pvc pintado); e a Heine Kaput, corrida do saci, em que o aluno corre por três metros somente com uma perna.

A assessora de Educação Física da DDZ Oeste, Josiane Valle, explicou que o Join visa disseminar os jogos e brincadeiras de origem indígena dentro do espaço escolar, conforme estabelece a Lei 11.645/2008, que inclui no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática: História e Cultura Afro-brasileira e Indígena.

“Os jogos são uma confraternização, na qual os alunos aprendem sobre as brincadeiras das crianças nas tribos indígenas. Funcionam também como uma forma lúdica de desmitificar, na primeira fase da infância, aquela ideia do índio com cocar na cabeça e com o rosto pintado, ou seja, é mostrar para eles que vai muito além disso”, explicou.

Inscrições

As inscrições para o Join 2015 podem ser realizadas pelas escolas da rede municipal de Educação até às 17h desta segunda-feira, 18. Basta o professor enviar a lista com os nomes dos alunos para a DDZ Oeste que a participação do aluno estará garantida.

 

Texto: Thiago Botelho

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

Escola municipal faz programação especial para entrega de boletins

segunda-feira, maio 18th, 2015

Como forma de aproximar os pais e responsáveis da rotina escolar dos alunos, servidores do Escola Municipal João Aparecido Alves dos Santos, localizado na comunidade Parque São Pedro, no bairro Tarumã, zona Oeste de Manaus, realizaram uma tarde atrativa para a entrega dos boletins escolares.

O evento contou com a palestra da nutricionista Fernanda Lemos, que tratou sobre “Alimentação Saudável para Escolares”, alertando aos pais e os educadores do Ensino Fundamental sobre os cuidados que si deve ter para cuidar da alimentação das crianças. Na ocasião, teve, ainda, sorteio de brindes aos participantes entregues pelas consultoras Mary Kay que apoiaram a programação.

Após a palestra, os pais seguiram com os professores para as salas de aula, onde foram informados sobre o desempenho das crianças durante o primeiro bimestre. No local, foi entregue o boletim com as notas de cada aluno. O evento foi uma das ações da Gestão Integrada da Escola (Gide) e faz parte da programação interna do CMEI João Aparecido.

 

Texto: João Pedro Figueiredo

Fotos: Divulgação do CMEI

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

 

Semed dá inicio às atividades da Semana de Enfrentamento da Violência Contra Crianças e Adolescentes

segunda-feira, maio 18th, 2015

Durante todo o mês de maio, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) promoverá ações para combater e prevenir atos de violência contra crianças e adolescentes. O início dos trabalhos foi realizado, na tarde desta sexta-feira, 15, na Escola Municipal Ana Maria de Souza Barros, localizada no Bairro Mauzinho com a abertura da semana de prevenção e enfrentamento contra combate a violência de contra crianças e adolescentes.

O evento de abertura contou com a presença de representantes da Semed,  Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e da Secretaria de Estado da Ação Social (Seas), além de representantes da Polícia Civil e com a presença do cantor de hip hop Jander Manauara, do grupo PirãoAM.

A atividade foi coordenada pela Gerência de Atividade Complementares e Programas Especiais (Gacpe) da semed, em parceria de órgãos do governo Estado e do município, que são responsáveis pela proteção aos direitos humanos e da criança, como a Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejus) e a Secretaria Municipal de Ação Social e Direitos Humanos (Semasdh).  A ação chama a atenção de toda a sociedade para o dia 18 maio, que é considerado o dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

A ação acontecerá, simultaneamente, nas unidades educacionais da Semed com o objetivo de intensificar a temática e incentivar denúncias de casos de violência infanto-juvenil, como ressaltou a Coordenadora do Programa de Ações Integradas e Referencias de Enfrentamento da Violência Sexual Infanto-juvenil (PAIR/Semed), Eliana Hayden.

“Durante todo ano, a Semed realiza inúmeras atividades para prevenção e enfrentamento da violência sexual. No mês de maio, intensificamos estas ações com a participação direta das escolas com a realização de debates, palestras, mesas de conversas e momentos em que envolvam música, a dança e arte como um todo para chamar a atenção para temática abordada”, destacou Eliana

Hayden destacou ainda os avanços alcançados com ação. “Com este trabalho,  conseguimos encorajar as pessoas a denunciar, conseguimos aumentar o número de denúncias, conseguimos informar mais as pessoas sobre os tipos de violência  e, consequentemente, reduzir o número de casos em nosso município”.

A abertura dos trabalhos contou com a participação de todos os alunos do vespertino da Escola Municipal Ana Maria de Souza Barros. O aluno Guilherme Botelho, 13, do 8º ano foi um dos que participaram. Ele ressaltou como os alunos poderão se beneficiar participando da programação que acontecerá no mês de maio.

“Estas atividades serão importantes para prevenir o assédio sexual contra criança e adolescentes que muitas vezes sofrem este tipo de violência em casa, ônibus e na rua. Será Importante também para alertar as pessoas e motivá-las a denunciar”.

O gestor da escola, José Raimundo, mencionou que apoia a campanha de enfrentamento e fala sobre sua experiência na escola quanto à diminuição de violência  no ambiente escolar.

“Quando chegamos aqui, tínhamos um índice violência elevado, com atividades como esta e outras práticas pedagógicas feitas em sala de aula e com parcerias como a da polícia civil, conseguimos implantar uma cultura de paz, diminuindo a quantidade de BOs e de conflitos que tínhamos. Hoje, com este trabalho de conscientização, temos um outro retrato de amostragem em nossa escola. Portanto, acredito que estes tipos de ações podem conscientizar sim e mudar o pensamento de nossos alunos”, falou.

O dia 18 de maio é oficializado pela lei federal 9.9701/00  e foi escolhido  porque, neste mesma data, aconteceu um crime bárbaro, em  Vitória(ES), envolvendo uma criança de 8 anos, que foi abusada sexualmente.

 

Texto: Emerson Felipe
Fotos: Cleomir Santos
Secretaria Municipal de Educação (Semed)
Assessoria de Comunicação
(92) 3632-2054

Crianças de Cmei ganham horta escolar

sexta-feira, maio 15th, 2015

O plantio e manuseio de hortaliças fazem agora parte da rotina de 552 alunos do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Professor Carlos Caio Frota de Medeiros, localizado no residencial Viver Melhor, zona Norte. Nesta sexta-feira, 15, as crianças da unidade de ensino ganharam uma horta, onde vão aprender a cuidar de itens que farão parte da alimentação escolar. A atividade levará aos alunos também lições de cunho ambiental.

O programa “Horta Escolar: plantar, cuidar e preservar também é coisa de criança” já funcionava em outras duas escolas da capital, desenvolvido em parceria com a Câmara de Comércio e Indústria Nipo-Brasileira do Amazonas (Kaigisho). “Além do contato das crianças, a horta também enriquece a alimentação escolar. A criança tem o contato com a terra, pode trabalhar a semente, ver produzir, crescer e depois colher para colocar na alimentação delas mesmas, levando a experiência também para casa”, observou a diretora do Cmei, Geise Roque de Souza.

O vice-presidente da Kaigisho, Iuquio Ashibe, que também faz parte do Consulado do Japão, explicou que a horta é uma ação da Comissão de Meio Ambiente da Câmara. “Nós entendemos que é bastante importante para a educação das crianças o cuidado com o meio ambiente, assim como, para nosso país. Dentro dessa atividade, nós levamos a cultura do plantio de verduras para a alimentação nas escolas. Esses alimentos depois de desenvolvidos, serão utilizados no refeitório da escola”. Ele acrescentou que o projeto existe há cinco anos dentro da Câmara e o evento foi também uma homenagem aos 120 anos de amizade entre o Brasil e o Japão.

Meio ambiente

A doméstica Ana Picanço Pontes, 33, mãe da aluna do 2º período, Emanuelle Pontes, 5, sempre participa dos eventos da escola. Para ela, é fundamental que as crianças aprendam desde cedo sobre a importância do meio ambiente. “Para minha filha é uma educação ambiental, pois a horta vai beneficiá-la, assim como os outros alunos, que vão usar o que for produzido na própria alimentação. É uma forma de conscientizar as crianças e estimulá-las a cuidar do meio ambiente e da natureza”, avaliou.

A escola receberá um suporte técnico da comissão de Meio Ambiente da Câmara para acompanhar o andamento dos trabalhos da horta. A Câmara fez também a doação das sementes. A previsão é de que a primeira colheita das hortaliças ocorra dentro de um mês.

A solenidade contou, ainda, com a presença da direção pedagógica da escola, convidados, pais e responsáveis dos alunos, representantes do Batalhão Ambiental da Polícia Militar do Amazonas (PM), do presidente da Câmara e presidente da Comissão, Hajime Ushida, e dos vice-cônsules do Japão, Akiko Kikuchi e Yoshinari Oda.

 

Texto: Paulo Rogério

Foto: Cleomir Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

Caminhada contra dengue no Coroado reúne mais de mil pessoas

sexta-feira, maio 15th, 2015

Mais de mil alunos de escolas públicas saíram às ruas do bairro do Coroado, zona Leste, na manhã desta sexta-feira, 15, chamando a atenção da comunidade quanto aos cuidados para erradicar a proliferação do mosquito da dengue. A Secretaria Municipal de Educação (Semed) foi representada por 15 unidades de ensino daquela reunião.

De acordo com a chefe da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Leste 1, Renata Seabra, a caminhada foi organizada com o intuito de conscientizar os moradores do Coroado quanto aos cuidados básicos de combate ao mosquito, como não deixar água parada acumular em pneus e garrafas. Segundo ela, o bairro é, de acordo com pesquisas, o que tem maior incidência de pessoas infectadas com a doença.

“O movimento partiu de uma reunião com a diretora do SPA (Serviço de Pronto Atendimento) do Coroado, porque o mesmo é considerado o bairro da cidade com maior incidência da doença. Nós estamos aqui para fazer essa chamada de atenção. A dengue é muito fácil de prevenir, basta cuidar do lixo e não empoçar a água”, explicou.

A passeata percorreu as avenidas Beira-Rio e Beira-Mar. Os alunos distribuíram informativos e adesivos da campanha contra dengue. Toda a ação foi acompanhada ao som das fanfarras das escolas.

A aposentada Luizete Monteiro, 59, é moradora do bairro há 39 anos, disse que aprovou o evento. Ela informou que foi diagnosticada com dengue nesta semana. “Eu estava com mais de 15 dias doente e fui ao médico e ele me passou dipirona. Esse evento é legal. O carapanã, infelizmente, está aí nessa mata que faz muito tempo que ninguém limpa. É legal ver os alunos envolvidos nesse movimento. Meus netos estão participando também”, disse.

Fiscalizadores

Entre as escolas da Semed que participaram da caminhada, a unidade Arte e Cultura, localizada no bairro Coroado 2, foi representada por mais de 50 crianças desfilando. Munidos de faixas e cartazes, a palavras de ordem era: “Tome cuidado, o dengue mata”, eles passavam de porta em porta explicando como desfazer os criadouros do Aedes aegypti.

“Quando a pessoa pega dengue, ela fica muito doente. Para não pegar tem que virar a tampa da garrafa, pneu, essas coisas”, orientou a pequena Raquel dos Santos, 10, lembrando que uma tia já contraiu a doença este ano.

A diretora do SPA do Coroado, Conceição Barbosa, destacou a parceria entre a saúde e a educação no combate ao mosquito da dengue e acredita que só com informação é possível mudar o cenário da comunidade.

“Esse projeto surgiu há três anos. Nós tivemos, em 2011, a grande epidemia de dengue em Manaus, então sentamos com o corpo técnico do SPA e planejamos esse projeto porque entendemos que a partir da gestão participativa, teremos mais eficácia. Como em 2015 os casos de dengue estão moderados, achamos por bem fazer a prevenção antes que eclodisse”, explicou.

 

Texto: Thiago Botelho

Foto: Lton Santos

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

 

Semed abre inscrições para Tutor Educacional

sexta-feira, maio 15th, 2015

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) vai abrir, no período de 18 a 22 de maio, inscrições para Processo Seletivo Interno de profissionais que queiram atuar como Tutores Educacionais nas áreas da Educação Infantil e Ensino Fundamental. Ao todo serão dez vagas, além de formação de cadastro de reserva, dentro do Programa de Tutoria Educacional, que tem a finalidade de fortalecer as práticas educativas por meio da formação em serviço, no acompanhamento pedagógico dos professores em estágio probatório.

O programa é em parceria com a Fundação Itaú Social e o Centro Integrado de Estudos e Programas de Desenvolvimento Sustentável (Cieds), em atendimento ao Componente de Melhoria da Qualidade da Educação do Projeto de Expansão e Melhoria Educacional da Rede Pública Municipal de Manaus (Proemem), com recursos financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Os tutores têm como foco promover o desenvolvimento profissional do seu tutorado com o objetivo de melhorar os resultados da aprendizagem dos alunos. O tutor é o profissional mais experiente, que reconhece, valoriza os conhecimentos da vivência do tutorado, mas que agrega um novo conhecimento, de caráter prático e modelar.

Os servidores interessado no cargo deverão entregar o Currículo Lattes e preencher a ficha de inscrição diretamente na Gerência de Formação Continuada (GFC), localizada na sede da DDPM, na rua Maceió, nº 2000, bairro Parque Dez de Novembro, zona Centro-Sul de Manaus.

O processo de seleção será por etapas e de caráter eliminatório, começando pela análise de currículo para demonstrar a qualificação para vaga e carta de interesse, depois haverá a prova diagnóstica sobre conteúdos educacionais e, por fim, a participação obrigatória na formação integral dos candidatos aprovados na análise de currículo. O resultado será informado aos candidatos, por meio de endereço eletrônico, até o dia 29 de maio.

Quem pode participar

Poderão participar do Processo Seletivo Interno para a função de Tutor Educacional, assessores pedagógicos, pedagogos e professores efetivos com experiência comprovada de pelo menos cinco anos como professor, sendo três anos em escola pública; Preferencialmente ter mestrado e/ou doutorado em Educação ou áreas afins devidamente registrado junto a Capes; Possuir diploma ou certificado devidamente registrado de conclusão de curso de graduação na área de Educação, fornecido por instituição de ensino conhecida pelo Ministério da Educação (MEC); ter disponibilidade para trabalhar em regime de 40 horas; ter capacidade organizacional, habilidades básicas de observação e avaliação de desempenho; ser profundo conhecedor sobre avaliação de aprendizagem e a utilização destes dados para prática pedagógica em sala de aula; e conhecer sobre educação de adultos.

Programa de Tutoria Educacional

O programa vai fortalecer as práticas educativas por meio de formação em serviço, contando com acompanhamento pedagógico e avaliação gradativa do professor. O projeto piloto inicia em julho e segue até o final do ano, quando serão avaliados 348 professores em cumprimento de estágio probatório e lotados nas Divisões Distritais Zonais (DDZs) da Semed no Leste II, Sul, Norte e Oeste.

 

Texto: João Pedro Figueiredo

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054

Plano Municipal de Educação seguirá para a análise do prefeito até a próxima semana

sexta-feira, maio 15th, 2015

Metas e estratégias para a criação do primeiro Plano Municipal de Educação (PME) de Manaus começaram a ser revisadas por membros da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e representantes do Fórum Municipal de Educação (FME) antes de o documento base seguir para as mãos do prefeito Arthur Virgílio Neto. O PME visa promover melhorias na qualidade da educação, nas condições de trabalho do docente, a erradicação do analfabetismo e a universalização do atendimento escolar, dentre outras medidas. É ele quem dará as diretrizes educacionais para os próximos dez anos.

A secretária municipal de Educação, Kátia Schweickardt, destacou a necessidade de o plano ser exequível e passível de ser desenvolvido nos próximos dez anos para que, ao final deste processo, seja notado um salto qualitativo no processo de ensino e aprendizagem dos alunos.

“Temos que discutir o que nesses dez anos vamos conseguir, de fato, fazer para avançarmos na qualidade da educação, na valorização dos professores, na distorção idade/série, na melhoria da infraestrutura, com as condições que nós temos e com as perspectivas orçamentárias e financeiras que se anunciam para a Semed nos próximos anos”.

Após os ajustes da equipe de educação, o PME segue para a Casa Civil, para a análise do prefeito, passando em seguida, à Câmara Municipal de Manaus (CMM), onde continuará o debate com novas audiências públicas, com a presença dos técnicos da Semed.

Segundo o coordenador do FME, Rosélio Sousa, o documento deve ser entregue para a aprovação do prefeito antes do dia 20 deste mês. “Na reunião com a Semed, demos mais um grande avanço nas metas mais críticas que precisavam do ponto de vista dos dirigentes da secretaria. Tratamos sobre questões jurídicas e orçamentárias para que possamos fazer um projeto viável para o município”, relatou.

O Plano Nacional da Educação (PNE), sancionado pelo Governo Federal (Lei Federal 13.005/2014) em junho de 2014, estabeleceu prazo de um ano para que estados e municípios do País elaborassem suas diretrizes educacionais para os próximos dez anos. A elaboração do PME de Manaus está dentro do prazo. O objetivo é que ele seja aprovado até o dia 24 de junho.

 

Texto: João Pedro Figueiredo

Foto: Rodemarques Abreu

 

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

(92) 3632-2054