Archive for the ‘noticias’ Category

Escola Antonina Borges de Sá realiza corrida para alunos, pais e comunitários

segunda-feira, abril 14th, 2014

Atividade marcou o aniversário da escola que completou 30 anos e homenageou a professora Mirvana Cristina Azevedo do Nascimento que morreu no ano passado

 Cerca de 700 alunos e professores da Secretaria Municipal de Educação (Semed) participaram, no último sábado,12, de corrida e caminhada realizada pela Escola Municipal Antonina Borges de Sá, localizada na Avenida Penetração, Bairro São José 3, zona leste da cidade. O evento esportivo percorreu as ruas Perimetral, 4 e 5, do bairro do São José, envolvendo pais e comunitários.

Além de pais e alunos, o evento contou com a participação da presidente da Comissão Municipal de Educação da Câmara Municipal de Manaus, vereadora Therezinha Ruiz, e da chefe da DDZ Leste 1, Renata Cristina Seabra Moraes.

 O evento acontece desde 2010 e é aberto a toda comunidade. Este ano   marcou o aniversário da escola, que completou 30 anos e homenageou a professora Mirvana Cristina Azevedo do Nascimento. A atividade tem como objetivo promover a prática esportiva, oportunizando o estreitamento entre os comunitários e a escola.

O gestor da escola, Paulino Antônio, destaca as conquistas obtidas com a corrida. “O nosso objetivo com a corrida é integrar o máximo possível os pais de nossos alunos, tornando-os parte integrantes da escola e, conseguimos isso a partir desta ação. Hoje, com a corrida, percebemos que os pais e comunitários estão mais participativos e próximos da escola. Isso é gratificante e nos dá força para fazê-la todos os anos”, argumentou o gestor da escola.

 Para o aluno do 7º ano, Airton dos Santos, que participou da ação pela primeira vez, a corrida serviu para propor um momento de entretenimento e socialização. “Adorei a corrida e me diverti muito. Além disso, pude conhecer outras pessoas e praticar atividades físicas”.

 Texto: Emerson Felipe

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação: 3632-2054

Semed inicia pesquisa de satisfação nesta terça-feira

segunda-feira, abril 14th, 2014

Em busca de alavancar os índices da educação municipal e aprimorar o processo de ensino e aprendizagem nas escolas, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizará uma pesquisa de satisfação, de 15 a 30 de abril, com professores, diretores e alunos. Mediante as informações, será criado um plano de ação para combater as falhas e potencializar as qualidades das ações do órgão.

 Para facilitar o acesso e atingir o maior número de pessoas, a Divisão de Gestão da Tecnologia da Informação (DGTI) disponibilizará na página da Semed (www.semed.manaus.am.gov.br) o questionário em formato online até o próximo dia 30.

Serão três questionários que vão avaliar a satisfação pedagógica, o espaço físico das escolas, os cursos oferecidos pela Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM), entre outros. O de professores terá 21 perguntas, dos diretores 19 questões e o dos alunos terão 15.

 “Vai ter um link no site da Semed. Basta clicar e informar se o questionário será para professor, diretor ou aluno. Para validar as respostas, será necessário informar matrícula e CPF para professor e diretor, e para os alunos somente o nome e a escola”, explicou a chefe do DGTI, Rosalina Lobo.

 Segundo o secretário da Semed, Humberto Michiles, além de identificar os pontos a serem melhorados, a pesquisa proporcionará que tanto gestores, como professores e alunos deem voz as suas principais reivindicações, a fim de que se alcance a meta de se tornar referência em educação. “Queremos ouvir as sugestões de todos aqueles que trabalham e sonham com uma educação cada vez melhor. Nosso intuito é construir juntos condições para a melhoria do processo de ensino-aprendizado”.

Texto: Thiago Botelho

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação: 3632-2054

 

Semed divulga lista dos aprovados para o cargo de assessor de gestão

segunda-feira, abril 14th, 2014

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) concluiu o processo de seleção de profissionais do magistério para os cargos de assessores de gestão. Para visualizar a lista dos aprovados clique aqui. As avaliações começaram no mês de fevereiro com 1.076 professores inscritos. Depois de cinco etapas, foram selecionados os 89 mais bem avaliados pelo Instituto Áquila, empresa de gestão contratada pela Secretaria.

Os assessores de gestão terão a responsabilidade de auxiliar a escola na identificação dos principais pontos a serem melhorados tanto na gestão quanto no processo de ensino e aprendizagem dos alunos, com vistas na melhoria dos índices educacionais. A meta da Semed é colocar Manaus entre as dez primeiras capitais no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2015.

Nos próximos dias 15 e 22, os aprovados devem comparecer à Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM/Semed), às 14h, para um encontro onde serão repassadas as orientações da metodologia de trabalho a ser implantada nas unidades de ensino.

Texto: Thiago Botelho/Semed

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação

Provas do concurso da Semed são realizadas por mais de 15 mil candidatos

segunda-feira, abril 14th, 2014

Do total de 16.941 inscritos no concurso da Secretaria Municipal de Educação (Semed), 91,5% (15.492) dos candidatos realizaram as provas aplicadas, neste domingo, 13. O certame ocorreu sem registro de incidentes. São 2.124 vagas para professor de nível Superior e pedagogo. O gabarito das provas será divulgado, na próxima terça-feira, 15, e o prazo para recursos será nos dias 16 e 17 de abril.  Os dados são da Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad).

Pela manhã, eram esperados 14.936 candidatos às 2 mil vagas de professor, dos quais 13.648 compareceram. O número de faltosos corresponde a 9,4% (1.288) do total de inscritos para as vagas.

No período da tarde, dos 2.005 candidatos as 124 vagas de pegadogo, 1.844  compareceram. Os faltosos correspondem a 8,03% (161) do número de inscritos para o cargo.

O salário inicial é de R$ 1.222,63 ao qual serão adicionadas vantagens como: 10% de regência de classe (R$ 122,63); auxílio-alimentação (R$200,00) vale transporte (R$121,00), num total de R$ 1.665,89.

O concurso realizado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Semad, é organizado pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Fucab).

Datas
O gabarito será divulgado no dia 15 desde mês. Os dias 16 e 17 os recursos. No dia 30 de abril, será divulgado o resultado final da prova objetiva. O período para a entrega de títulos será de 2 a 5 de maio. O resultado da prova de títulos sairá no dia 21 deste mês e os candidatos terão de 22 a 23 de abril para o ingresso de recursos.

O resultado final da avaliação dos títulos será anunciado no dia 30 de maio e o resultado final do concurso público para professores e pedagogos da Semed será divulgado no dia 02 de junho.

Vagas
Para professor de história, o concurso oferece 33 vagas, para professor de artes são 32 e para professor de ciências 86. Há 111 vagas para professor de educação física, 14 para ensino religioso e 43 para geografia. Para professor de língua inglesa são 55, língua portuguesa 92 e matemática 131. Há ainda, vagas para professor de 1º ao 5 º ano (875) e educação infantil (528). Para pedagogo são 124 vagas.

O edital completo está disponível em no site da Fucab (www.funcab.org). Para outras informações, a Funcab tem um posto de atendimento na Rua Dr. Machado, n º 107, sala D, Centro, de segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 9h às 12h e das 13h às 17h. O telefone do posto é o (92) 3347-2210.

SERVIÇO

Calendário do concurso:

Divulgação do gabarito: 15/04

Prazo para recurso: 16 e 17/04

Gabarito oficial final: 30/04

Prova de títulos: 02 a 05/05

Resultado da prova de títulos: 21/05

Período para recurso da prova de títulos: 22 e 23/05

Resultado final da prova de títulos: 30/05

Resultado final do concurso: 02/06

Texto: Cleidimar Pedroso/Semed

Secretaria Municipal de Educação (Semed)

Assessoria de Comunicação: 3632-2054

Cmei Manuel Bastos realiza o encerramento da Semana Literatura Amazonense

sexta-feira, abril 11th, 2014

“Essa atividade escolar me faz recordar o dia que me interessei pela poesia e livros”. A frase foi dita pelo escritor e poeta Celdo Braga, na tarde desta sexta-feira, 11, na homenagem feita a ele por alunos e professores do Cmei Manuel Bastos Reis, no Bairro Jesus Me Deu, zona norte de Manaus. A atividade faz parte da programação da Semana da Literatura Amazonense que encerra na próxima segunda feira, 14.

A homenagem foi feita por 120 alunos do maternal 2 e 3 e 1º e 2º período, por meio de dramatizações, danças, recitações de poesias e músicas, biografia e trabalhos dos poetas Tenório Telles, Celdo Braga, Francisco Pereira e Elson Farias.

“Acho muita positiva esta ação e acredito que deve perdurar por muito mais tempo, pois além de suscitar o gosto pela leitura de várias crianças e adolescentes de Manaus, pode contribuir para o surgimento de novos talentos”, comentou o homenageado.

A gestora, Auxiliadora de Souza, ressalta os pontos positivos da Semana da Literatura Amazonense em sua escola.  “Passamos duas semanas trabalhando com as crianças. Elas, juntamente com seus professores, pesquisaram os artistas da região por meio de livros e leituras. O mais interessante desse trabalho é que os nossos alunos ficaram mais atentos, disciplinados e aprenderam um pouco mais sobre nossa região. Portanto, vejo essa Semana como algo positivo”, disse Auxiliadora.

O aluno, Diego Santos, do 2º período afirmou que aprendeu sobre várias assuntos e destacou o que mais gostou de trabalhar. “Com a poesia ‘As Aventuras do Zé’, do poeta do Elson Farias. Eu aprendi um pouco sobre as frutas da região”, falou o aluno.

Texto: Emerson Felipe

Fotos: Rodemarques Abreu

 

Secretaria Municipal de Educação

Assessoria de Comunicação
(92)3632-2054

Semed apresenta nova proposta para a Educação Infantil

sexta-feira, abril 11th, 2014

Utilizar a brincadeira como ferramenta pedagógica para o desenvolvimento das crianças faz parte da nova proposta curricular da Educação Infantil nas escolas da rede municipal de ensino. O projeto foi apresentado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed), na manhã desta sexta-feira, 11, em evento que reuniu professores, gestores e pedagogos das unidades de ensino que atuam na educação de crianças.

A mudança atende a diretriz curricular nacional da Educação Infantil e foi preparada por uma comissão composta por servidores da Semed e profissionais de outras instituições, entre elas: Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Conselho Municipal de Educação e Fórum Amazonense de Educação Infantil.

A nova proposta curricular visa utilizar linguagem, diversidade, tecnologia e meio ambiente no desenvolvimento das crianças. Atualmente, a Semed atende a mais de 45 mil alunos da Educação Infantil.

Para a chefe interina da Divisão de Educação Infantil, Eline Alves de Lima, o documento vai servir para nortear as ações pedagógicas do professor em sala de aula. “A proposta dá subsídio às atividades de pedagogos, gestores e professores da educação infantil. Essas atividades devem surgir a partir das brincadeiras e interações com os coleguinhas, ou seja, é brincando que a criança aprende. É ciente dessa verdade que criamos a nossa proposta curricular”, afirmou.

Importância do lúdico

Segundo a professora Eliseanne Lima, integrante do Fórum Amazonense de Educação Infantil e que compôs a comissão de reestruturação da proposta curricular da Semed, “o brincar” é a ferramenta mais eficaz para a educação de crianças, por isso a nova proposta foi pautada em cima do lúdico.

“A criança se relaciona com o mundo através da brincadeira. Brincar não é algo secundário ou para passar o tempo, mas o cerne das relações que a criança estabelece com o mundo”, explicou.

Reforçando a importância da nova proposta educacional, a subsecretária de Gestão Educacional da Semed, Ana Falcão, lembra que a Educação Infantil é que garante a base para o bom desenvolvimento escolar de um aluno nos anos subsequentes. “Tudo começa na Educação Infantil. Lá a criança adquire competências e habilidades que vão fornecer outros níveis de aprendizado e a facilidade com os conteúdos das series mais a frente”, falou.

A nova proposta curricular foi impressa e está sendo distribuída para os mais de dois mil professores de Educação Infantil da Semed.

TEXTO: Thiago Botelho

FOTO: Cleomir Abreu

Secretaria Municipal de Educação
Assessoria de Comunicação
(92)3632-2054

Projeto para a construção de 72 escolas deve ser aprovado até maio

sexta-feira, abril 11th, 2014

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, recebeu nesta sexta-feira, 11, a garantia de que até maio o projeto, que prevê a construção de 72 novas unidades de ensino em Manaus, deverá ser aprovado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). A definição veio depois de uma reunião entre o prefeito, representantes do BID e da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

A meta é que, até 2016, sejam construídos 43 novos Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e 29 Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs).

Segundo o prefeito, as negociações começaram em outubro do ano passado e, neste primeiro trimestre, ganharam mais celeridade. O projeto faz parte da “virada pedagógica” proposta pela prefeitura, que deverá melhorar a posição de Manaus no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

“Essa é apenas uma das medidas para promovermos uma verdadeira virada na educação em Manaus. Estamos inovando na gestão e, brevemente, as mudanças serão sentidas para melhor, sobretudo, após o exame nacional feito pelo Ministério da Educação (MEC), onde se manifestarão o teor e a qualidade das mudanças que estamos implementando”, afirmou o prefeito Arthur Virgílio Neto.

O projeto faz parte do Programa de Expansão e Melhoramento Educativo (Proemem) com investimentos de U$ 208 milhões, sendo U$ 108 milhões do BID e U$ 100 milhões de contrapartida da Prefeitura Manaus. Além da construção de novas escolas da rede municipal, o programa também é voltado para o aprimoramento pedagógico com cursos de qualificação para professores e aulas de reforço para alunos.

Segundo o secretário da Semed, Humberto Michiles, até 2015 o município estará com 30 a 40 escolas com obras licitadas ou iniciadas. “Vamos iniciar, por exemplo, algumas desapropriações agora em maio. Esperamos que no ano de 2016, tenhamos de 60 a 70 escolas já sendo inauguradas ou em fase de conclusão das obras. Isso acabará com a necessidade da rede municipal ter prédios alugados”, declarou Michiles.

“Achamos que esse projeto terá um efeito importantíssimo, a médio e longo prazo, na progressão escolar e no processo de aprendizagem. Não podemos esquecer que também será um impacto bastante positivo para as mães que, com essa oferta, terão expandidas suas possibilidades de ascender no mercado de trabalho”, defendeu o líder em Educação do BID, Marcelo Pérez Alfaro.

A expectativa é que até o final deste ano os recursos estejam disponíveis para o município. Depois da assinatura do convênio com o BID, pré-agendada para maio deste ano, a próxima fase é a liberação do repasse junto à Secretaria do Tesouro Nacional, do Governo Federal.

Texto: Alita Falcão

Fotos: Arlesson Sicsú

Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom)

(92) 3625 6908 / 3625 6921 / 3625 6844

Tenório Telles recebe homenagem de alunos da rede municipal de educação

sexta-feira, abril 11th, 2014

O poeta e dramaturgo Tenório Telles elogiou os encontros entre escritores amazonenses e estudantes promovidos pelas escolas da Secretaria Municipal de Educação (Semed)  porque, segundo ele,  os eventos são uma oportunidade para despertar o interesse pela literatura. Na última quarta-feira, 9,Tenório foi homenageado por 390 alunos da Escola Municipal Santa Rita de Cássia, na Avenida Santos Dias, bairro Riacho Doce, zona Norte.

Durante todo este mês, as escolas da rede municipal estão realizando atividades sobre a literatura amazonense e autores nascidos no estado.  Na Escola Santa Rita de Cássia houve, por exemplo, teatro de fantoche e paródia sobre as obras de Tenório que também é professor e crítico literário.

“Fiquei contente com a lembrança e o interesse das crianças pela leitura. Penso que atividades como essa são importantes porque incentivam a leitura. As crianças precisam ler mais porque precisam desenvolver o raciocínio. Por meio da leitura temos acesso a mais informações e aprendemos a olhar o mundo com outros olhos. É incentivando a leitura que vamos ensinar essas crianças a aprender mais e entender melhor a vida. E, principalmente, a ter uma consciência  cidadã”, disse o escritor.

Karine Barreto dos Santos, aluna do 4º ano, disse que já leu duas obras de Tenório e que não vê a hora de ler novos livros escritos por ele. “Eu gosto dele porque as histórias são boas. Uma das histórias falava sobre a Amazônia. É muito legal conhecer um autor de perto. Eu gosto de ler e fiquei com vontade de conhecer novos livros”, disse.

Para a gestora da escola, Simone Guimarães, os alunos ficam mais interessados pela leitura e mais participativos. “Quando tem contato com o autor o aprendizado fica mais significativo. Trazer um autor pra contar sua história a crianças que são cheias de sonhos é um grande aprendizado”, disse.

TEXTO: Cleidimar Pedroso

FOTO: Rodemarques Abreu

Secretaria Municipal de Educação
Assessoria de Comunicação
(92)3632-2054

Pedagogos da Semed participam de pós-graduação para melhorar a qualidade do ensino nas escolas

quinta-feira, abril 10th, 2014

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) está investindo na melhoria da qualidade do ensino e aprendizagem das escolas com a especialização de 75 pedagogos.  Eles estão cursando pós-graduação em Coordenação Pedagógica por meio do Programa Nacional Escola de Gestores, do Ministério da Educação (MEC). Na manhã desta quinta-feira, 10, os pedagogos participaram do sexto e último encontro presencial do curso. O módulo está sendo realizado na sede da Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério (DDPM) da Semed, zona Centro-Sul.

O curso teve início em maio do ano passado. Foram trabalhadas dez disciplinas e nesta etapa final, as aulas de Saúde na Escola e Gestão Pedagógica completam os 12 módulos que compõem a grade curricular da especialização.

Segundo a supervisora do curso, Josseane Costa e Silva, o foco da pós-graduação em coordenação pedagógica é trabalhar especificamente no processo de ensino e aprendizagem das escolas.

“O curso foca na organização do trabalho pedagógico. Em como o trabalho da escola pode ser otimizado no foco pedagógico, por isso foi trabalhado o planejamento escolar, projeto político-pedagógico, a rotina da escola, tudo em prol da qualidade do processo de ensino e aprendizagem”, explicou.

Para a assessora pedagógica Rosa Denise Diniz, que atua na Divisão Distrital Zonal (DDZ) Rural, as aulas do curso de pós-graduação estão servindo para aprimorar as ferramentas de condução do trabalho pedagógico dentro das unidades de ensino.

“Esse curso tem sido suporte para que a minha atuação como assessora pedagógica melhore. Estou auxiliando os pedagogos e gestores da minha DDZ a qualificar as práticas educacionais em sala de aula”, disse.

Os pedagogos serão aprovados após apresentarem, no mês de agosto, um trabalho de conclusão de curso que deve trabalhar na resolução de uma problemática encontrada nas escolas onde atuam.

A educadora Shirley Barros, que exerce a função de coordenadora pedagógica da DDZ Leste 1, está elaborando um artigo onde vai apresentar estratégias de combate às dificuldades de aprendizagem dos alunos.

“Eu cheguei a esse tema por visualizar nos assessoramentos pedagógicos a dificuldade que os alunos têm em desenvolver certas habilidades, principalmente em Matemática e Língua Portuguesa. Por isso, propus algumas técnicas de aprimoramento do ensino dos conteúdos em sala de aula usando o lúdico com ferramenta”, comentou.

Escola de Gestores da Educação Básica

O Programa Nacional Escola de Gestores da Educação Básica faz parte das ações do Plano Nacional da Educação (PNE), do MEC e surgiu da necessidade de construir processos de gestão escolar compatíveis com os atuais modelos de gerenciamento de instituições públicas de ensino, buscando assim, qualificar os professores das escolas. Em Manaus, a formação é feita pelo Ministério da Educação em parceria com Universidade Federal do Amazonas (Ufam).

O curso formará, em nível de especialização (latu sensu), gestores e pedagogos das escolas públicas da educação básica.

Texto: Thiago Botelho

Fotos: Rodemarques Abreu

Secretaria Municipal de Educação
Assessoria de Comunicação
(92)3632-2054

Programa Liga Pela Paz promove formação para mais de 300 profissionais da educação

quinta-feira, abril 10th, 2014

Mais de 300 profissionais, entre gestores, monitores e coordenadores do programa Mais Educação, participam nessa semana da formação inicial da Liga Pela Paz. O programa administrado pela Secretaria Municipal de Educação (Semed) trabalha a educação emocional e social com os alunos da rede municipal de ensino. Esta etapa da formação ocorre até nesta sexta-feira, 11, na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam). Ao todo, 14.269 alunos de 110 escolas da rede municipal devem ser contemplados pelo projeto.

De acordo com Anderson Rodrigues, coordenador do programa Mais Educação, as escolas que devem receber o programa Liga Pela Paz já estão definidas. “Foram escolhidas 110 escolas para as 320 pessoas que estão sendo formadas nesta semana aplicar o programa. A intenção é trabalhar a paz na escola, levar harmonia como disciplina, mostrar a importância do lado social. Com esse trabalho com os alunos do Mais Educação esperamos atingir os alunos de todas as escolas”, relatou.

Monitora do programa na Escola Municipal Vila da Felicidade, no bairro Mauazinho, Marcela Sales, ressaltou a importância da aplicaçãodo Liga Pela Paz já nos anos iniciais. “O programa é voltado para alunos do 1º ao 5º ano e na escola que eu trabalho, por ser localizada em uma área considerada zona de risco, é de extrema importância, pois vamos poder trabalhar o comportamento, o amor pelo próximo e solidariedade. Esses alunos estão em uma fase inicial de ensino, isso evita aquelas agressões, xingamentos e outras brigas nas escolas e é bom que eles já aprendam a importância do amor na escola, na família, na comunidade e na vida”, informou.

O programa Liga Pela Paz, que foi idealizado pela Organização Inteligência Relacional, começou a ser aplicado nas escolas municipais em fevereiro. A proposta é que os profissionais que estão sendo capacitados para a aplicação recebam outras formações com ensino à distancia no decorrer do ano.

A líder da área pedagógica do projeto, Maria Tereza Belchior, informou que a educação emocional deve ter a mesma importância das outras disciplinas. “Nós trabalhamos com a emoção a vida toda, assim como as outras disciplinas, por isso é importante ser aplicada com responsabilidade, com compreensão e com conteúdo relevante. Nós temos material pedagógico adequado para cada faixa etária dos anos do ensino escolar, assim os alunos vão aprender a reconhecer, lidar e regular suas emoções, se aprofundando na matéria a cada ano. Vale ressaltar que, antes de aplicar o conteúdo dos livros nós trabalhamos uma estrutura de aula, identificar as emoções dos alunos, conversar e depois aplicamos o material”, destacou.

Texto: João Pedro Figueiredo

Fotos: Cleomir Santos

Secretaria Municipal de Educação
Assessoria de Comunicação
(92)3632-2054